Choramos contigo, Buffon

Por Pedro Machado Novembro 14, 2017, em Liga Italiana

Choramos contigo, Buffon

Cabeçalho Liga Italiana

É muito doloroso ver um pai chorar. Como se não bastasse a sua dor, ainda temos que suportar o nosso desamparo. O desamparo de quem vê desabar uma força protetora e que se julgava imperturbável. Se ele chora, nós choramos. Por instinto. Um instinto que nos diz que se ele está assim, é porque algo verdadeiramente triste aconteceu.

Por esta ordem de ideias, ver Buffon chorar, terá feito chorar, também, a Itália futebolística. Afinal, era ele que o ‘Calcio’ tinha como força protetora nos momentos difíceis.

Porém, o momento em que Buffon chorou foi mais do que difícil. Foi insuportável. Foi o momento que confirmou que o último dos 175 jogos disputados com a camisola da sua pátria ficara marcado por um falhanço histórico. Um falhanço que o mundo do futebol ainda não soube interiorzar e que ainda estranha dizer, ouvir, escrever e ler– a Itália não vai estar num Mundial.

Ver Buffon chorar não terá feito apenas chorar a Itália futebolística, e a tristeza ter-se-à estendido ao mundo do futebol contemporâneo. Afinal, temos Buffon como uma força protetora que nos mostra o lado sensato da paixão pelo nosso desporto, teimando em sorrir quando as coisas não correm bem.

Quando ele se descontrolou, e se inundou de lágrimas, foi porque algo verdadeiramente triste aconteceu. E nós, por instinto, chorámos com ele.

Foto de capa: Spostskeeda

pedro-machado

Pedro Machado

Enquanto a França se sagrava campeã do mundo de futebol em casa, o pequeno Pedro já devorava as letras dos jornais desportivos nacionais, começando a nascer dentro dele duas paixões, o futebol e a escrita, que ainda não cessaram de crescer.                                                                                                                                                 O Pedro não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

Comentários

Por Pedro Machado Novembro 14, 2017, em Liga Italiana

Figura e Fora-de-Jogo da Semana

13/11/2017

Jorge Faria de Sousa

Redator

Eric Dier

O defesa inglês é hoje uma das estrelas do futebol britânico e estreou-se enquanto capitão da seleção inglesa no passado fim de semana.

Presidente Câmara Oliveira do Hospital

Criticou a FPF, alegando que o distrito de Coimbra foi esquecido nestes jogos particulares. Espera-se que no futuro próximo, a FPF possa levar o futebol solidário ao distrito de Coimbra.