Champion of Champions: Shaun Murphy vence torneio onde esteve presente a elite do Snooker

Por Diogo Reganha Novembro 14, 2017, em Snooker

Champion of Champions: Shaun Murphy vence torneio onde esteve presente a elite do Snooker

Anterior1 de 4Próximo

Cabeçalho modalidadesO torneio Champion of Champions reuniu, durante esta semana, a elite do Snooker mundial na Ricoh Arena, em Coventry (Inglaterra). Apesar de ser uma prova não pontuável para o ranking, a mesma contou com a participação da nata do Snooker. Do top-10 do ranking mundial, apenas Mark Allen não esteve presente, sendo todos os 16 jogadores presentes membros do top-30 mundial.

Na primeira ronda do torneio, Shaun Murphy, Mark Selby, Ronnie O’Sullivan e John Higgins cumpriram com o esperado, ao vencerem os seus jogos frente a Mark King, Liang Wenbo, Neil Robertson e Antony McGill, respectivamente.

Mais surpreendentes foram as derrotas de Ding Junhui frente a Anthony Hamilton, Barry Hawkins frente a Ryan Day, Marco Fu frente a Michael White e Judd Trump frente a Luca Brecel, belga de 22 anos. O jovem belga voltou a brilhar na segunda ronda, ao eliminar o líder do ranking mundial, Mark Selby, e carimbar o apuramento para as meias-finais. Anthony Hamilton venceu por 6-4 Ryan Day, naquele que era considerado o jogo mais fraco desta fase do torneio.

Ronnie O’Sullivan destruiu John Higgins com uns esmagadores 6-0, enquanto Shaun Murphy cumpriu frente a Michael White, vencendo por 6-4. Nas meias-finais, Ronnie garantiu a sua presença na final sem grandes dificuldades, vencendo Anthony Hamilton por 6-2, enquanto aquele que viria a ser o seu adversário na final, Shaun Murphy, venceu Luca Brecel por 6-4. Uma final com Ronnie O’Sullivan, sétimo do ranking mundial, e Shaun Murphy, quinto do ranking, dois jogadores bastantes experientes nestas andanças, traz sempre muitas expectativas e incertezas sobre o vencedor.

A final do torneio foi disputada entre Shaun Murphy e Ronnie O’Sullivan Fonte: Champion of Champions

A final do torneio foi disputada entre Shaun Murphy e Ronnie O’Sullivan
Fonte: Champion of Champions

Numa final nem sempre bem disputada, com muitos erros de ambas as partes, acabou por ser Shaun Murphy a levar a melhor, vencendo por 10-8.

Ronnie O’Sullivan entrou a todo o gás na partida, colocando-se a vencer por 2-0 sem grandes dificuldades. No entanto, Shaun Murphy demonstrou não estar na Ricoh Arena para ver o Rocket jogar e virou o jogo para um 3-2 a seu favor.

O Rocket voltou a vencer dois frames consecutivos e a recolocar-se em vantagem por 4-3, tendo logo de seguida Shaun Murphy empatado a quatro.

No nono frame, surgiu um dos momentos chave do encontro. Com a partida empatada a 4, sabendo que este nono frame fechava a primeira sessão da final, Shaun Murphy marcou várias bolas seguidas ficando apenas a faltar-lhe embolsar a bola preta para vencer o frame e ir para o descanso na frente (Ronnie estava a ganhar por 54-50 e depois de marcar a preta, Murphy venceria por 54-57). Para espanto de todos os presentes na Ricoh Arena, Shaun Murphy falhou a bola preta, oferecendo o frame a Ronnie. No entanto, quando tudo apontava para que fosse o Rocket a levar este nono frame, Ronnie também falhou uma bola fácil e acabou por ser Shaun Murphy a vencer.

Anterior1 de 4Próximo
Diogo Reganha
Presença assídua nos jogos de futebol do clube da sua terra (Lourinhanense) e do clube do seu coração (Benfica), o Diogo é um fã de desporto em geral. Defensor de discussões construtivas em que o resultado final seja todos os envolvidos aumentarem os seus conhecimentos sobre o tema abordado, sem que existam ofensas ou discriminações por qualquer tipo de opinião.                                                                                                                                                 O Diogo não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.
Por Diogo Reganha Novembro 14, 2017, em Snooker

Figura e Fora-de-Jogo da Semana

13/11/2017

Jorge Faria de Sousa

Redator

Eric Dier

O defesa inglês é hoje uma das estrelas do futebol britânico e estreou-se enquanto capitão da seleção inglesa no passado fim de semana.

Presidente Câmara Oliveira do Hospital

Criticou a FPF, alegando que o distrito de Coimbra foi esquecido nestes jogos particulares. Espera-se que no futuro próximo, a FPF possa levar o futebol solidário ao distrito de Coimbra.