Nasceram dez vezes, e agora?

Por Rafael Raimundo Outubro 23, 2017, em SL Benfica

Nasceram dez vezes, e agora?

sl benfica cabeçalho 1

Em meados de 2014, e aquando da saída de Matic do clube encarnado, Jorge Jesus disse que para se encontrar substituto para o sérvio os jogadores da formação tinham de nascer mais 10 vezes.

Entretanto já vários jogadores nasceram dez vezes, o que os levou a grandes palcos do futebol europeu. Lembro-me de Bernardo Silva à cabeça – ainda que seja da altura em que Jesus era o treinador encarnado -, de Nelson Semedo, Lindelof, Ederson, Gonçalo Guedes e até mesmo Renato Sanches. Até ao final da época passada Rui Vitória corroborou a ideia deixada por Jesus, no entanto parece agora partilhar da opinião do técnico do rival da 2ª circular.

Rúben Dias está a ganhar espaço no 11 de Rui Vitória Fonte: UEFA

Rúben Dias está a ganhar espaço no 11 de Rui Vitória
Fonte: UEFA

O treinador encarnado tem no plantel jogadores que já nasceram as tais dez vezes, mas agora é preciso apostar neles, tal como fez com os jogadores que atrás referi. Há na juventude do plantel qualidade suficiente para colmatar as lacunas na equipa, mas Rui Vitória parece estar a querer adiar o inadiável. Dar espaço à nova geração será fulcral para que possam, num futuro próximo, garantir o presente e o futuro do clube.

Rúben Dias, depois do jogo contra o Manchester United, mostrou ser a solução para um dos problemas da defesa. Com capacidade para liderar no jogo aéreo, rápido nas transições e nos movimentos defensivos, pode ser ele o próximo Lindelof. Competitividade e regularidade podem ser a chave para a sua afirmação absoluta.

No meio campo, Diogo Gonçalves está pronto para assumir um lugar com maior importância, ainda que não de forma tão clara como Rúben Dias. Contudo, pelo facto de jogar numa posição em que a inspiração, aliado á qualidade técnica, em determinados momentos do jogo pode ser marcar a diferença, percebo que Rui Vitória apenas lhe vá possibilitando somar mais minutos de jogo para que, com isso, possa ganhar mais experiência. Krovinovic parece-me ser um bom jogador, porém não com capacidade para se destacar dos demais, e nomeadamente de Pizzi. Volta, André Horta. Estás perdoado. Um pequeno à parte com total relevância para o tema.

Svilar já assumiu a baliza do SL Benfica Fonte: SL Benfica

Svilar já assumiu a baliza do SL Benfica
Fonte: SL Benfica

Contudo, o problema não termina na defesa ou no meio campo. A baliza também tem sido das posições mais vulneráveis da equipa. Júlio César já não tem a agilidade de outros tempos, e as lesões têm afetado o jogador com alguma frequência. No entanto, a chegada de Mile Svilar pode vir a ser o tranquilizante de que os adeptos precisam em relação à posição. Demonstra confiança, tanto entre os postes como fora da baliza, é algo atrevido – no bom sentido da palavra – e pode permitir à equipa defender mais à frente no campo. Porém, e para os mais esquecidos, reitere-se o facto de ter apenas 18 anos, com tudo o que isso poderá trazer tanto de bom quanto de mau.

As soluções, embora não sejam as de outras épocas, existem, mas para corresponderem ao desejado é preciso que tenham oportunidades para o demonstrar.  E oportunidades regulares, não de tempos a tempos e apenas quando os jogadores com mais minutos necessitam de descansar.

Foto de Capa: SL Benfica

Rafael Raimundo
Desde pequeno que passa as tardes de sábado a ver tudo o que seja desporto. Adora o seu clube, mas tem enorme facilidade em reconhecer quando algo não está bem. Sempre disposto a ouvir novas opiniões, desde que bem fundamentadas, e a debatê-las quando necessário.                                                                                                                                                 O Rafael não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.
Rafael Raimundo

Últimos Artigos por Rafael Raimundo (ver todos)

Comentários

Por Rafael Raimundo Outubro 23, 2017, em SL Benfica

Figura e Fora-de-Jogo da Semana

13/11/2017

Jorge Faria de Sousa

Redator

Eric Dier

O defesa inglês é hoje uma das estrelas do futebol britânico e estreou-se enquanto capitão da seleção inglesa no passado fim de semana.

Presidente Câmara Oliveira do Hospital

Criticou a FPF, alegando que o distrito de Coimbra foi esquecido nestes jogos particulares. Espera-se que no futuro próximo, a FPF possa levar o futebol solidário ao distrito de Coimbra.