Época sem Títulos na formação deve fazer refletir!

Por Luís Coelho Junho 19, 2017, em FC Porto

Época sem Títulos na formação deve fazer refletir!

Anterior1 de 3Próximo

fc porto cabeçalho

O Futebol de formação tem várias componentes importantes, nem só os títulos devem ser prioridade. O crescimento dos jovens atletas quer na vertente desportiva, quer na vertente humana é extremamente importante. O preparar hoje para ganhar amanha de forma sustentada deve ser o lema da formação, mas isso não implica que não se possa fazer ambas as coisas (preparar hoje e ganhar hoje). As rotinas de vitórias, de conquistas, é também um fator importante. Criar o “vício de ganhar” (sem que isso seja a todo o custo e de qualquer forma) ajuda a moldar o carater de um atleta competitivo.

Esta época foi negativa no que diz respeito a títulos na formação do FC Porto. Existe talento individual, existe qualidade no trabalho realizado pelos treinadores mas, alguns pormenores precisam ser melhorados para que uma época assim não volte acontecer. É preciso, no entanto, analisar os vários escalões de forma diferente.

Anterior1 de 3Próximo
luis-coelho
É um eterno apaixonado por Desporto, tem no futebol a sua maior paixão. Desde muito jovem que se dedica ao estudo e análise de todas as vertentes futebolísticas, foi treinador no futebol de formação, atualmente colabora na área do scouting. Apaixonado pelo jornalismo desportivo, é adepto do FC Porto e no futebol internacional tem simpatia pelo Barcelona.                                                                                                                                                 O Luís não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

Comentários

Por Luís Coelho Junho 19, 2017, em FC Porto

Figura e Fora-de-Jogo da Semana

19/06/2017

Marta Reis

Redatora Sporting CP

André Villas-Boas

O treinador português não se mostrou indiferente à tragédia de Pedrogão Grande e, mesmo a milhares de quilómetros, doou uma verba considerável para as vítimas do incêndio.

Hóquei Português

Depois de ter rebentado o escândalo no futebol, as críticas às arbitragens não abonam a favor da boa imagem que estava a ser construída pela modalidade.