O Muchacho Mexicano vs o Príncipe Argelino

Por Nélson Mota Agosto 19, 2017, em FC Porto

O Muchacho Mexicano vs o Príncipe Argelino

Anterior1 de 3Próximo

fc porto cabeçalho

Corona e Brahimi são neste momentos os extremos residentes e de maior nome nas alas dos dragões. Apesar de serem ambos dotados de uma técnica fora do comum são, no entanto, jogadores muito diferentes. Num duelo em que se mistura o futebol mexicano e holandês de Corona contra o futebol africano e francês de Brahimi, os dois extremos enfrentam-se numa competição saudável em que o objetivo é averiguar qual o melhor extremo que alinha atualmente no plantel dos dragões. Vamos aos factos:

Corona chegou ao FC Porto na época 2015/2016, enquanto Brahimi chegou na temporada anterior

Corona chegou ao FC Porto na época 2015/2016, enquanto Brahimi chegou na temporada anterior

Anterior1 de 3Próximo
Nélson Mota
O Nélson é estudante de Ciências da Comunicação. Jogou futebol de formação e chegou até a ter uma breve passagem pelos quadros do grande Futebol Clube do Porto. Foi através das longas palestras do seu pai sobre como posicionar-se dentro de campo que se interessou pela parte técnica e tática do desporto rei. Numa fase da sua vida, sonhou ser treinador de futebol e, apesar de ainda ter esse bichinho presente, a verdade é que não arriscou e preferiu focar-se no seu curso. Partilhando o gosto pelo futebol com o da escrita, tem agora a oportunidade de conciliar ambas as paixões e tentar alcançar o seu sonho de trabalhar profissionalmente como Jornalista Desportivo.                                                                                                                                                 O Nélson escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

Comentários

Por Nélson Mota Agosto 19, 2017, em FC Porto

Figura e Fora-de-Jogo da Semana

17/09/2017

João Neves

Redator

Pep Guardiola

O técnico espanhol está a deslumbrar na Premier League com uma equipa recheada de estrelas. Esta semana atropelou o Watford de Marco Silva por 6-0 e é um dos favoritos a levantar o titulo no final da época.

Bruno Varela

As razões são óbvias com o segundo golo sofrido, no Bessa, a deitar fora 3 pontos importantes. Precisa ainda muito de crescer para ganhar a titularidade no Benfica.