Prestes a chegar à reta final, o Girabola continua ao rubro! A 22.ª jornada jogou-se entre os dias 7 e 9 de julho, e foi composta por jogos pautados pelo equilíbrio e incerteza quanto ao vencedor de cada partida.

Com o 1.º de Agosto a folgar nesta ronda, o Petro de Luanda tinha uma oportunidade de ouro para se isolar na liderança – para tal, o conjunto de Beto Bianchi tinha de vencer na deslocação a Cabinda o Sporting local. Já se antevia uma partida de dificuldade extrema, o que acabou por se confirmar: o jogo terminou empatado a uma bola, com os golos a serem apontados por Castro (Sp. Cabinda) e Tony (Petro).

Apesar do empate, o Petro alcançou a liderança isolada, embora com uma curta vantagem (apenas um ponto) sobre o seu rival 1.º de Agosto, ao passo que os “Leões” de Cabinda voltaram a travar um candidato ao título, depois na jornada anterior terem também empatado fora com o D’Agosto.

A equipa petrolífera empatou a um golo na visita ao terreno do Sporting de Cabinda
Fonte: Petro de Luanda

O Interclube voltou a reaproximar-se dos dois da frente. Na ida ao terreno do Bravos do Maquis, os homens de Paulo Torres tiveram de sofrer imenso para conquistar os três pontos, mas conseguiram alcançar o objetivo, graças ao golo solitário de Siva no início do segundo tempo. A vitória permite aos “Polícias” estar neste momento a três pontos do primeiro lugar da tabela classificativa.

O Recreativo do Libolo obteve o resultado mais robusto da jornada do Girabola. No duelo entre Recreativos, o do Libolo apresentou-se a um alto nível e goleou por 4-1 o da Caála: Magrão com um bis foi a figura do encontro disputado no Calulo. O triunfo permitiu aos homens de André Macanga chegar aos 25 pontos e estão atualmente no oitavo posto da classificação.

A jogar perante o seu público, o Kabuscorp venceu o seu compromisso frente ao Domant por 2-1, mas teve de se aplicar para conquistar os três pontos – Filhão e Nandinho marcaram para a equipa da casa, com Mabululu a fazer o tento dos visitantes. Assim, a equipa do bairro do Palanca chegou aos 23 pontos e está no décimo lugar.

Nos outros encontros, o Progresso do Sambizanga venceu por 1-0 o FC Casa Militar, e de resto foram só empates: Académica Lobito 0-0 Desp. Huíla e 1.º de Maio 2-2 Sagrada Esperança.

Em suma, o Petro não foi feliz nesta ronda, uma vez que não aproveitou da melhor forma a “oportunidade de ouro” para garantir uma boa vantagem para o rival D’Agosto, que teve folga. Na próxima jornada, quem não irá jogar é Petro.

Será que o 1.º de Agosto aproveita ou vai imitar o seu adversário na luta pelo título no Girabola e perder pontos? Iremos descobrir na próxima jornada!

 

Foto de Capa: Girabola ZAP

Artigo revisto por: Jorge Neves

Comentários