Cabeçalho modalidadesApós o título de pilotos e de construtores estarem decididos, o GP do Brasil que é o penúltimo do campeonato de 2017, faltava acertar as contas do vice-campeão entre Vettel e Bottas.

As sessões de treinos livres foram liderados pela Mercedes, e na sessão que antevia a qualificação, a diferença entre Mercedes e Ferrari eram de poucos milésimos de segundo. A verdade é que as equipas já estão a trabalhar para 2018, a Mclaren irá deixar de ter motor Honda e passará a ter motor Renault, algo que ironicamente tem vindo a causar alguma perturbação, pois, logo após a decisão desta mudança, o motor Honda começou a ter melhorias a olhos vistos!

A sessão de qualificação decorreu como um espelho desta temporada, marcada pelo equilíbrio entre Ferrari e Mercedes, e a luta pela Pole position entre 4 pilotos. A Red Bull neste circuito de Interlagos não se tem adaptado às melhores condições do seu monolugar e longe dos lugares da frente. A qualificação começou logo com o acidente de Hamilton na volta de lançamento, o inglês entrou rápido demais na curva 5 e com os pneus frios, o Mercedes ficou capaz de partir da última posição da grelha. De notar que, em todas as partes da qualificação de Interlagos, o equilíbrio entre os pilotos da Ferrari e Bottas era de realçar.

Hamilton partirá da última posição Fonte: F1
Hamilton partirá da última posição
Fonte: F1

Na hora da decisão, na primeira tentativa de volta cronometrada, Vettel ficou com a Pole provisória e Bottas na segunda posição. Os pilotos regressavam às boxes, e a chuva começava a cair no circuito, criando uma incerteza de que possivelmente a grelha já estaria concluída. Ainda assim, a vontade dos pilotos foi lógica e todos voltaram para a pista. Nos derradeiros segundos e consequente última tentativa, Bottas garantia a Pole por escassos 38 milésimos à frente de Sebastian Vettel, com Raikkonen a fechar o pódio da qualificação.

Reinou novamente o sentimento de culpa própria na Ferrari, Vettel tinha tudo para garantir mais uma Pole e o próprio admitiu que não esteve ao seu melhor ritmo na última tentativa, talvez por pensar que a mesma estava garantida. Em sentido contrário, Bottas festejou a Pole como se fosse um latino! Destaque para Felipe Massa que está de saída da F1 e conquistou a 10ª posição, naquele que será o último GP do Brasil para o homem da casa.

Para a corrida de domingo, é de esperar luta acesa entre Vettel e Bottas, pela conquista do vice-campeonato, com Raikkonen a poder ajudar a Ferrari, e uma corrida de trás para a frente de Hamilton que partirá de último.

 

Foto de Capa: F1

Comentários