Anterior1 de 10Próximo

O Sport Lisboa e Benfica veio daquela que foi a sua pior época dos últimos sete anos, época na qual não se sagrou campeã nacional nem no futebol, nem em nenhuma das modalidades de pavilhão masculinas.

Como tal, o clube abriu os cordões à bolsa e fez um investimento mais rigoroso nas cinco modalidades de pavilhão masculinas, contratando reforços sonantes que permitem com que o Benfica tenha equipas a altura da dimensão do clube.

De modo a que os benfiquistas acompanhantes do Bola na Rede estejam mais a par do mundo eclético encarnado, decidi fazer um top dos principais reforços do Benfica nas cinco modalidades de pavilhão. Devo desde já dizer que o meu critério na atribuição dos lugares não se baseia apenas na qualidade, no estatuto e no currículo dos jogadores, mas também na forma como estes encaixavam nas necessidades das respectivas equipas.

 

10.

Fonte: Sport Lisboa e Benfica

Rapha (Voleibol) – Num passado recente houve alguns atletas a regressarem ao voleibol do Benfica após terem deixado o clube. Raphael Thiago Oliveira é mais um desses casos. O brasileiro de 34 anos representou os encarnados na temporada 2016/2017, tendo na altura sido um dos jogadores mais influentes na conquista do campeonato. Após uma curta experiência nos turcos do Kula Belediyespor, o zona 4 está de regresso aos encarnados para acrescentar qualidade e profundidade à sua posição, na equipa agora treinada pelo brasileiro Marcel Matz.

Anterior1 de 10Próximo

Comentários